Webmail
Atendimento: (42) 3622-2000
Facebook Faculdade Guairacá
Instagram Faculdade Guairacá
Youtube Faculdade Guairacá
Twitter Faculdade Guairacá
Linkedin UniGuairacá
Faculdade Guairacá
O papel do administrador no agronegócio, por Cristhiano Kopanski Camargo
O papel do administrador no agronegócio, por Cristhiano Kopanski Camargo

Cristhiano Kopanski Camargo
Graduado em Agronegócios pelo Centro Universitário Campo Real
Especialista em Gestão Ambiental pela Universidade Estadual do Centro-Oeste
Mestre em Agronomia pela Universidade Estadual do Centro-Oeste
Doutor em Agronomia pela Universidade Estadual do Centro-Oeste


O agronegócio brasileiro vem ganhando grande destaque no cenário econômico nacional e mundial nos últimos anos, sendo responsável por grande fatia das exportações brasileiras de produtos in natura e agroindustrializados.

Segundo dados do Cepea (Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada), da Esalq/USP, no ano de 2019 o agronegócio representou 21,4% do PIB (Produto Interno Bruto) brasileiro total e responsável pelo superávit de U$$ 46,67 bilhões na balança comercial.

A população ocupada no agronegócio brasileiro somou 18,3 milhões em 2019, sendo responsável pela geração de 14,36 mil postos de trabalho com carteira assinada, que é a diferença entre os contratados e os demitidos ao longo do ano. Isso demonstra a importância do setor na geração de renda e emprego (PNAD/IBGE, 2019)

Diante de números bastante significativos, a demanda de mão de obra especializada na área é crescente dependente de pessoas qualificadas para administrar e proporcionar uma melhor gestão nas operações nas empresas rurais e agroindustriais do país.

Nesse contexto, o administrador atuante em uma determinada empresa atuante no agronegócio pode atuar em atividades no processo de gerenciamento financeiro, negociação de compra e venda, ferramentas para redução de perdas, projetos de sustentabilidade, gestão ambiental e biossegurança, além de elaborar treinamentos e na área de gestão de pessoas. Ainda pode atender demandas mais específicas do mercado, podendo atuar em diversos segmentos.

O administrador precisa entender e ver as necessidades dos outros e antecipar-se ao futuro, transformando suas ideias em projetos, trazendo resultados tangíveis à empresa. No ramo da agroindústria é fundamental que o administrador trabalhe sempre pensando no mercado futuro, produzindo o necessário para atender a demanda do mercado interno e externo, e demonstrar que as empresas rurais dependem de outros elementos da cadeia produtiva, apresentando soluções para os problemas que venham ocorrer no futuro. Deve acompanhar, ainda, as novas tecnologias desenvolvidas para o setor do agronegócios, buscando novas alternativas e ferramentas administrativas, qualificando os colaboradores para melhor desempenhar as atividades, proporcionando um  bom ambiente de trabalho.

O sucesso profissional está relacionado ao perfil empreendedor, à flexibilidade nas relações humanas, à constante abertura a novos aprendizados e à visão globalizada do que somente ao conhecimento técnico.

Rua XV de Novembro, 7050 - Centro | 85010-000 | Guarapuava-PR
 
CFW Agência Digital